9.03.2011


Porque, porque é que às vezes me apetece matar todas as pessoas deste Mundo, e ficarmos só nós os dois?
Não é para dizer coisas bonitas, mas eu já não sobrevivo sem ti. Tentei, tento e irei tentar talvez um dia, mas por agora eu tenho a certeza que não consigo .
Não consigo deixar-te .
Quando queres és tão perfeito, mas existem alturas, que me apetece esganar-te mas com carinho :) .
Com a coisa mais parva do Mundo, eu sorriu com gosto. Coisa que nem toda a gente consegue .
Sem ti, tudo para de fazer sentido, tudo passa a ser triste, tudo fica sem cor .
És como o ar que respiro, se deixar de respirar morro . Acontece o mesmo contigo, neste momento a única razão da minha presença neste Mundo, és tu .
Por mais estúpido, parvo idiota que seja, tudo me faz lembrar de ti. Surpreendo-me, porque dou por mim a chorar, acho que é medo de te perder ou pior.. que me deixes sem sequer avisar . Mas outras vezes estou a sorrir como uma tolinha, aí sim, sei que é felicidade por completo .
Por vezes, sussurro para mim própria: “ Amo-te tanto.. “ .  Amo-te como nunca ninguém te amou, nem vai amar .
Simplesmente, és aquilo que me move todos os dias, e que ainda me faz esticar os maxilares a maior parte das vezes .

4 comments:

Sophie said...

Amei *_*

O teu blog é lindo, continua ;)

Sophie said...

Amei *_*

O teu blog é lindo,continua ;)

S ☮ said...

Está mesmo lindo =')

Catariina said...

Obrigada às duas *.*